12 Semanas de gravidez

0
464
12 semanas de Gravidez

Com 12 semanas de gravidez, os órgãos do feto estão praticamente todos formados e continuarão crescendo conforme a gravidez for avançando.

Como nas semanas anteriores, com 12 semanas de gravidez, o feto cresce rapidamente e dá grandes avanços de desenvolvimento. Na verdade, entre as semanas 8 e 12, seu filho ou filha terá quase dobrado de tamanho.

Este artigo fornece um resumo da 12ª semana de gestação, o que esperar, como lidar com a sua rotina de trabalho durante a gravidez e informações sobre como seu bebê está se desenvolvendo.

Dê uma olhada nos outros artigos da série:

Primeiro trimestre: 3 semanas de gravidez (fecundação), 4 semanas de gravidez (implantação do embrião), 5 semanas de gravidez, 6 semanas de gravidez, 7 semanas de gravidez, 8 semanas de gravidez, 9 semanas de gravidez, 10 semanas de gravidez, 11 semanas de gravidez, 12 semanas de gravidez.

Segundo trimestre: 13 semanas de gravidez.

 

Fatos rápidos sobre 12 semanas de gravidez

  • Na 12ª semana de gestação, a mulher pode sentir tonturas, inchaço e aumento do desejo sexual.
  • A discriminação no local de trabalho por parte dos empregadores contra mulheres grávidas é ilegal.
  • Considere reduzir as horas de trabalho, caso seja possível.
  • Com 12 semanas de gravidez o feto é aproximadamente do tamanho de uma ameixa.

 

12 Semanas de gravidez: sintomas

Nesta fase da gravidez, a mulher ainda continua tendo muitos sintomas de gravidez.

Dentre eles:

  • tontura
  • mudanças no desejo sexual
  • necessidade frequente de urinar
  • fadiga
  • saliva excessiva
  • inchaço
  • gases
  • olfato intensificado
  • aumento no corrimento vaginal
  • dores de cabeça ocasionais

Com 12 semanas de gravidez, a barriga pode não estar visivelmente óbvia ainda, mas, o útero está crescendo para acomodar o feto em rápida expansão. Da mesma forma, durante este período o útero tem o tamanho de uma laranja, um pouquinho maior ou menor, dependendo da mulher.

No entanto, cabe lembrar que, nessa fase há um risco maior de infecção do trato urinário. E se os sintomas sugerirem uma infecção, fale imediatamente com seu médico ou um profissional de saúde sobre os sintomas que está sentindo.

 

Desenvolvimento do bebê

Com 12 semanas de gravidez seu bebê tem aproximadamente 6,5 centímetros de comprimento e pesa cerca de 14 gramas.

Órgãos e membros do seu bebê que estão em pleno desenvolvimento agora são:

  • Cabeça e pescoço: a cabeça agora tem metade do tamanho do corpo e as glândulas salivares começam a funcionar.
  • Batimento cardíaco: o batimento cardíaco agora pode ser ouvido com um Doppler externo.
  • Peito: os pulmões continuam a amadurecer e o líquido amniótico é inalado e exalado.
  • Abdômen: os órgãos abdominais, incluindo o baço, os intestinos e o fígado, já estão formados.
  • Pélvis: os órgãos sexuais já estão formados.
  • Membros: os braços agora são proporcionais e têm mãos cada vez mais funcionais, embora as pernas permaneçam curtas.
  • Pele: os músculos e o sistema nervoso estão amadurecendo.
  • Outras alterações: as glândulas tireoide e pâncreas já estão produzindo hormônios.

Leitura Complementar:

 

Coisas para fazer com 12 semanas de gravidez

Estar na 12ª semana de gestação significa fazer ajustes para acomodar a gravidez na vida cotidiana e fazer algumas das primeiras verificações completas do feto em desenvolvimento.

Trabalho

Aqui estão alguns passos simples que tornarão a sua vida no trabalho mais confortável com 12 semanas de gravidez e daqui em diante:

  • Evite ficar em pé por longos períodos e sente-se com mais frequência.
  • Sempre tenha uma garrafa de água com você.
  • Faça intervalos frequentes para descansar, urinar ou comer.
  • Não levante objetos pesados ​​sem ajuda.
  • Reduza a duração do seu dia de trabalho.

Acima de tudo, certifique-se de que seu empregador saiba sobre a gravidez e tome as medidas relevantes para proteger você e seu bebê.

Consultas

Entre as semanas 11 e 13, provavelmente será a hora de duas das primeiras ultrassonografias da gravidez. Trata-se de uma varredura de datação, projetada para fornecer uma estimativa da data do nascimento do bebê, e uma varredura de translucência nucal, para avaliar o risco de anomalias cromossômicas, como a síndrome de Down.

Além disso, um exame de sangue também pode ser solicitado para avaliar o risco de anormalidades. Se os resultados forem positivos, isso ainda não confirma a presença de síndrome de Down ou uma condição semelhante. No entanto, o recomendado é ter diagnósticos adicionais para descartar doenças genéticas.

 

Mudanças no estilo de vida com 12 semanas de gravidez

Você logo descobrirá que muitas modificações no estilo de vida precisam ser feitas durante a gravidez e após o parto.

Saúde geral

Manter a saúde física em dia é essencial para o seu bem-estar e o bem-estar do feto.

Por isso, evite álcool, tabaco e substâncias entorpecentes durante a gravidez e converse com seu médico sobre quaisquer medicamentos que esteja usando.

Faça uma dieta saudável e tome todos os suplementos nutricionais necessários recomendados pelo seu médico durante a gravidez. O exercício regular também pode ajudar a manter a saúde em dia durante esse período crucial.

Discuta sua rotina de exercícios atual ou qualquer rotina que você planejou para ter certeza de que é seguro praticá-la com 12 semanas de gravidez.

Cosméticos

O uso de tintura de cabelo permanente não é recomendado durante as primeiras 12 semanas de gravidez. Considere o uso de corante semipermanente ou tinturas naturais como alternativa.

 

Trabalhando durante a gravidez

Gestante sentada

Com 12 semanas de gravidez, a gestação ainda está no início, no entanto, trabalhar nessa fase pode ser desafiador para algumas mulheres devido aos sintomas sentidos no momento.

Esperar a chegada de um bebê também traz altos níveis de pressão e preparação. Se uma mulher trabalha durante a gravidez, frequentemente existe o medo de ser estigmatizada pelo empregador ou até mesmo demitida em decorrência da gravidez.

No entanto, existem leis em vigor para proteger as mulheres grávidas. Estas leis garantem certos direitos.

Tais como:

  • Não obrigatoriedade do diagnóstico da gravidez.
  • Troca de função temporária no local de trabalho.
  • Garantia a estabilidade, impedindo a demissão em decorrência da gravidez.
  • Direito ao acompanhamento da gestação, com saídas garantidas durante o horário de trabalho para consultas e exames.
  • Licença maternidade.

Embora as leis sejam diferentes em todo o mundo, muitos países industrializados têm leis em vigor para proteger as grávidas que trabalham.

No entanto, apesar dessas leis, alguns empregadores ainda discriminam as mulheres gravidas. A Equal Employment Opportunities Commission dos EUA conduziu um estudo em 2005 que mostrou um aumento de 65% no número de reclamações contra empregadores relacionadas à gravidez entre 1992 e 2007.

Portanto, se você sentir que está recebendo tratamento injusto ou se você for demitida durante a gestação. Entre em contato com os órgãos oficiais, seja através de um sindicato ou de um advogado, afim de garantir os seus direitos.

É seguro trabalhar durante a gravidez?

É provável que com 12 semanas de gravidez você ainda não esteja preocupada com isso. Mas, existe um estigma comum entre as mulheres de evitar o local de trabalho durante a gravidez, pois os níveis de atividade podem ser prejudiciais para a mãe ou para o bebê. No entanto, esse não é o caso em trabalhos que não envolvem grandes quantidades de esforço físico ou mental.

Se uma função requer longos períodos de pé ou levantando coisas pesadas, seu empregador deve adaptar ou mudar as suas atividades. Os estudos mostraram que levantar peso moderado em geral não causa impacto significativo nas complicações durante o parto.

Por outro lado, trabalhar mais de 40 horas por semana tem um impacto modesto na queda no peso do bebê ao nascer, mas não leva ao aborto espontâneo.

Outro risco é a exposição a produtos químicos no local de trabalho que podem prejudicar a mãe e o bebê, como fumaça de cigarro e monóxido de carbono. No entanto, estudos sobre a exposição ao fumo passivo do tabaco, especificamente no trabalho, mostraram que a quantidade testada está abaixo de um limite prejudicial.

Mulheres grávidas que trabalham em creches, precisam ter cuidado com a contaminação pelo citomegalovírus, pois ele é transmitido pela saliva e pela pele de crianças com menos de 30 meses de idade e pode causar anomalias congênitas.

Algumas mulheres grávidas decidem se empenhar mais no trabalho durante a gravidez para combater o estigma em torno da gestação no local de trabalho, recusando folgas e assumindo horas extras ou responsabilidades para “provar” que a gravidez não as tornou preguiçosas ou descomprometidas.

Portanto, é de responsabilidade do empregador fazer com que a pessoa se sinta apoiada durante a gravidez e acomodar as mudanças necessárias para manter o ambiente seguro para mãe e bebê.

 

3 FONTES

https://www.nhs.uk/conditions/pregnancy-and-baby/pregnancy-week-by-week/
https://articles/299782
https://academic.oup.com/occmed/article/62/2/88/1480061

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here