Finasterida: como funciona?

0
622
Homem Calvo

Em muitos homens, o uso e a eficácia da finasterida variam de acordo com seu estado de saúde, idade e resposta ao tratamento. Para alguns homens os efeitos são mais demorados. Já outros respondem ao tratamento e obtêm os melhores resultados com a droga imediatamente. No entanto, é fundamental que você sempre permaneça otimista. Além disso, para pacientes que estão tomando e confiando na medicação por mais de doze meses ou quase um ano e não há melhorias visíveis com o tratamento, é muito improvável que funcione.

 

Finasterida para calvície e alopecia

A Alopecia Androgenética é um problema em que a queda de cabelo segue um padrão. Ela pode ser considerada hereditária e os fios de cabelo remanescentes se transformam em pequenos fios. Esse tipo de queda de cabelo é comum e muito típico. Você sabia que cerca de 85% dos homens brancos caucasianos e 60% das mulheres têm alopecia androgenética?

No entanto, pessoas que sofrem com alopecia apresentam vários padrões de perda de cabelo. Independentemente do sexo que tem. Os homens têm tendência a ter queda de cabelo ao redor da cabeça e também na parte de cima. Em alguns casos, a queda também acontece em toda afrente da cabeça.

Já as mulheres, por outro lado, apresentam queda de cabelo no topo da cabeça. Essas perdas de cabelo causam muito sofrimento emocional. Além disso, também afetam o modo de vida da pessoa. O que a leva a buscar tratamentos viáveis. Muitas vezes, elas usam finasterida para isso. O que não é recomendado.

A finasterida é um medicamento da categoria 5AR ou 5 Alfa Redutase, que geralmente é utilizado para promover o crescimento do cabelo e inibir a queda de cabelo adicional entre os pacientes.

Da mesma forma, a finasterida impede a conversão da testosterona em diidrotestosterona (DHT) no corpo. O DHT é responsável pelo desenvolvimento da Hiperplasia Prostática Benigna (HPB). O que também é útil no tratamento da queda de cabelo de padrão masculino nos homens. Esse medicamento ajuda a diminuir a próstata em pacientes com hiperplasia prostática benigna e os ajuda com seus problemas urinários, como por exemplo, ter que urinar com muita frequência ao longo do dia e da noite.

Acima de tudo, a finasterida também é muito útil para diminuir o risco de desenvolver retenção urinária aguda ou a incapacidade de urinar, o que pode eventualmente exigir cirurgia.

 

Finasterida: como funciona e para que é usada

A finasterida é um inibidor da 5-alfa-redutase. Ela age bloqueando com eficácia a ação da enzima 5-alfa-redutase no corpo. Esta enzima converte o hormônio masculino testosterona em diidrotestosterona (DHT).

À medida em que os homens envelhecem, as glândulas da próstata tendem a aumentar de tamanho. Este é o resultado da conversão de testosterona em DHT na próstata. Ao bloquear com eficácia a 5-alfa redutase, a droga impedirá a formação de DHT e ajudará a diminuir o tamanho da próstata do paciente.

A próstata é um órgão encontrado apenas em pacientes do sexo masculino. Ela está localizada no topo da uretra masculina, logo abaixo da bexiga. O aumento da próstata faz com que ela pressione a bexiga e a uretra. Isso resultará em dificuldade para urinar junto com o aumento da necessidade de urinar, especialmente à noite.

Por outro lado, ao diminuir a próstata do paciente, a finasterida é capaz de diminuir a pressão na uretra e na bexiga. Permitindo assim que a urina flua livremente para a uretra, passando pela próstata.

Clique aqui e saiba: Biotina, qual sua relação com cabelo, pele e unhas.

 

Como tomar finasterida

Basicamente, seu médico exigirá alguns exames laboratoriais e de sangue para garantir que você não esteja sofrendo de nenhuma condição médica que possa impedi-lo de tomar finasterida. Certifique-se também de seguir todas as instruções conforme recomendado na bula do medicamento. Também leia todas as guias do medicamentos. Além disso, use Finasterida exatamente como foi instruído pelo seu médico.

Clique aqui e saiba: Como tratar a queda de cabelo causada por medicamentos.

 

Finasterida contra indicações e precauções

Se você é mulher, não tome finasterida. E sob hipótese alguma, dê esse remédio a uma criança. Pois ele causa defeitos congênitos graves. Uma mulher não deve ser exposta a finasterida durante uma gravidez. Além disso, não tome a finasterida se você for uma mulher que está tentando engravidar.

Acima de tudo, antes de tomar finasterida, consulte um médico. Não tome esse medicamento se você é alérgico a ele ou a qualquer um de seus ingredientes.

Além disso, mulheres grávidas ou que planejam engravidar não devem nem manusear esse remédio. Caso você esteja grávida e entre em contato com um comprimido esmagado ou quebrado, lave a área afetada com água e sabão. Caso você seja homem, também é importante que você saiba que, a finasterida aumenta o risco de câncer de próstata. Acima de tudo, é necessário que você sempre consulte um médico antes de tomar este medicamento.

A finasterida é recomendada apenas para homens. No entanto, é preciso lembrar que, caso você tenha histórico de depressão ou ansiedade, isso deve ser informado ao médico. Além disso, caso você tenha menos de 18 anos ou seja mulher, esse remédio não é para você.

Clique aqui e veja: Saiba a importância da ferritina para o crescimento capilar.

 

O que mais você deve saber sobre finasterida?

Acima de tudo, duas coisas que você precisa saber são. Em primeiro lugar, o tratamento com finasterida não vai funcionar se você é mulher. Em segundo lugar, o efeito desse remédio permanece apenas enquanto você o toma.

Você também deve manter esse remédio na embalagem original e bem fechada. Além disso, você deve guarda-lo em temperatura ambiente e longe do excesso de calor e umidade. Acima de tudo, não guarde a finasterida no banheiro.

Antes de fazer qualquer teste de laboratório, diga ao seu médico e ao pessoal do laboratório que você está tomando finasterida.

Não deixe mais ninguém tomar sua medicação. Pergunte ao seu médico sobre qualquer dúvida que você tenha a cerca da finasterida.

Clique aqui e saiba: Quando o cabelo está caindo muito o que pode ser? Confira aqui 10 motivos que causam a queda de cabelo!

 

2 FONTES

https://www.ncbi.nlm.nih.gov/books/NBK513329/
https://www.ukmeds.co.uk/blog/how-does-finasteride-work

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here