Modafinil: para que serve e como funciona

0
543
Modafinil

Problemas relacionados ao sono afetam grande parte da população em todas as partes do mundo. E é muito comum chegarmos a um ponto de nossas vidas, em que não somos capazes de seguir uma rotina diária de sono com facilidade. E é nesse tipo de situação que o Modafinil aparece.

 

O que é Modafinil?

O Modafinil é um remédio do grupo dos eugeroicos, ele é usado para problemas relacionados ao sono, como, sonolência excessiva causada por apneia do sono, narcolepsia ou sonolência ao longo do dia.

 

Para que serve Modafinil?

Como mencionado anteriormente, o Modafinil é um eugeroico ou um nootrópico para problemas relacionados ao sono. No entanto, ele serve especificamente ao uso para problemas causados ​​por apneia obstrutiva do sono, narcolepsia e outros distúrbios.

Nesses distúrbios, uma pessoa experimenta sonolência extrema, dificultando a sua capacidade de ficar acordado. Com o Modafinil, uma pessoa é capaz de passar o dia inteiro sem enfrentar problemas com sono. E a melhor parte é que também melhora suas funções cognitivas.

Lembrando que, Modafinil também pode ser usado para fins não listados neste guia.

Clique aqui e saiba como a má alimentação pode levar uma pessoa a ter insônia.

 

Modafinil benefícios

O Modafinil possui muitos benefícios associados ao seu uso. A seguir estão alguns deles:

  • Melhor controle de impulso (quando não se tem domínio sobre as atitudes): Um estudo realizado pela Universidade de Cambridge destacou que o Modafinil pode melhorar o controle de impulso, minimizando más decisões.
  • Melhora a função cerebral: Em adultos saudáveis, este medicamento pode melhorar a função cerebral, apesar da privação do sono.
  • Maior resistência à fadiga: Modafinil também deixa a pessoa mais resistente à fadiga, melhora a vigilância e o tempo de reação, além de aumentar seus níveis de motivação.

 

Riscos associados ao Modafinil

Ao contrário de outros medicamentos, o Modafinil não é viciante quando tomado de acordo com os níveis de dosagem recomendados pelo médico. No entanto, há riscos associados caso a pessoa seja usuária de outros medicamentos. Mas, falaremos disso mais adiante.

Além disso, pessoas com suscetibilidade genética ao medicamento podem desenvolver a síndrome de Steven Johnson (Doença rara e grave da pele e das membranas mucosas). Isso pode ser fatal e é acionado pelo Modafinil. As chances disso acontecer são bastante raras, mas é uma boa ideia fazer um teste com antecedência.

 

Como o Modafinil funciona?

O Modafinil funciona acionando certos neurotransmissores, causando alterações químicas no cérebro que melhoram o estado de vigília. A pílula pode aumentar a dopamina e o glutamato no cérebro, o que a torna um estimulante nesse sentido. Por outro lado, não é um medicamento estimulante e não causa tremores.

 

Quanto tempo o Modafinil demora para fazer efeito?

Assim como ocorre com muitos medicamentos, isso pode variar de pessoa para pessoa, com algumas pessoas sentindo efeitos em menos de 30 minutos. No entanto, a maioria das pessoas acha que leva cerca de uma hora para perceber os efeitos.

Os fatores que podem influenciar a rapidez com que o medicamento funciona incluem a idade, a saúde geral e o distúrbio ou condição do sono que está sendo tratado.

A dieta e o peso também podem influenciar quanto tempo leva para o Modafinil entrar em ação, com aqueles que estão acima do peso percebendo os efeitos dos medicamentos mais lentamente do que aqueles que não estão.

Os alimentos podem afetar o tempo necessário para que o medicamento funcione, pois, o corpo geralmente não pode desempenhar muitas funções ao mesmo tempo. Isso significa que, se estiver ocupado digerindo alimentos, o Modafinil levará mais tempo para entrar na corrente sanguínea.

Embora isso possa ser irritante, a maioria das pessoas escolhe tomar o medicamento com alimentos, porque ingeri-lo com o estômago vazio pode causar irritação leve.

No entanto, se você está preocupado que isso possa diminuir a eficácia do Modafinil, tente comer algo leve antes de tomar o medicamento. Tomá-lo depois de uma refeição muito grande pode levar a uma situação em que ele demore até uma hora e meia para fazer efeito.

Se você estiver sentindo efeitos muito leves do medicamento, poderá consultar o seu médico sobre a troca para uma dose mais alta, mas isso geralmente é feito com aquelas pessoas com distúrbios do sono bastante graves.

 

Dosagem

Os médicos prescrevem uma dosagem específica de Modafinil, dependendo da idade do paciente, histórico médico, estado de saúde e condição específica em tratamento.

A dose mínima é de 100 mg, mas muitas pessoas com apneia do sono e narcolepsia são aconselhadas por seus médicos a tomar 200 mg. Sonolência diurna e apneia obstrutiva do sono justificam 200 mg e uma dose de 400 mg é incomum, mas não rara.

A dosagem sempre determinará os efeitos; no entanto, uma dosagem mais alta não significa necessariamente que os efeitos ocorrerão mais cedo. Muitas pessoas relataram pouca ou nenhuma diferença entre as doses de 200 mg e 400 mg, quando tomadas diariamente.

 

Interações com outros medicamentos

Modafinil interage com outros medicamentos, alimentos e bebidas. Quando você estiver tomando o medicamento, essa interação também determinará em quanto tempo ele entrará em vigor. Por exemplo, pessoas que tomam o medicamento quando estão com um pouco de sono podem experimentar os efeitos mais rapidamente.

Aqueles que estão extremamente sonolentos podem sofrer um efeito retardado, e é melhor evitar tomar o medicamento antes de dormir. A droga pode manter a pessoa acordada por muitas horas; portanto, se você pretende dormir à noite ou em outro momento, não deve tomar Modafinil nas últimas três horas antes de dormir.

Suplementos de saúde e outros medicamentos também interferem nos efeitos. Também pode haver efeitos colaterais quando o Modafinil é combinado com outros medicamentos fortes, razão pela qual continua sendo um medicamento com receita médica e não está disponível para venda sem receita.

O Modafinil interage com medicamentos antivirais, antifúngicos incluindo Fluconazol, Itraconazol e Cetoconazol e medicamentos antibióticos, incluindo Claritromicina e Eritromicina.

Ele interage com medicamentos para o coração e também pode interagir com ciclosporina, midazolam, triazolam, clomipramina, diazepam, omeprazol, fenitoína e propranolol; portanto, você deve ser cauteloso se estiver tomando algum destes medicamentos e informar o seu médico.

O Modafinil também interage com ervas, suplementos, cafeína e alguns sucos de frutas, principalmente os de laranja e toranja, por isso pode ser benéfico manter um diário para ver o que impede o medicamento de ser mais ou menos eficaz para você.

Modafinil não deve ser tomado se pessoa estiver sob a influência de álcool ou outras substâncias intoxicantes, pois tende a causar cansaço, sonolência e outras complicações.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here