O que são vitaminas e quais são suas funções?

0
1295
Alimentos fontes de vitaminas

As vitaminas são compostos orgânicos que são necessários em pequenas quantidades para sustentar a vida. A maioria das vitaminas precisa vir dos alimentos, isso ocorre porque o corpo humano não produz o suficiente delas.

Cada organismo tem diferentes necessidades vitamínicas. Por exemplo, os seres humanos precisam consumir vitamina C ou ácido ascórbico, mas os cães não. Os cães podem produzir ou sintetizar vitamina C suficiente para suas próprias necessidades.

Outro exemplo, é que as pessoas precisam obter a maior parte da vitamina D se expondo à luz solar, porque ela não está disponível em quantidades suficientes em alimentos. No entanto, o corpo humano pode sintetizá-la quando exposto ao sol.

Vitaminas diferentes têm papéis diferentes e são necessárias em quantidades diferentes.

Este artigo explica o que são as vitaminas, o que elas fazem e quais alimentos fornecem cada tipo de vitamina. Siga os links que estão dispostos no texto para obter mais informações sobre cada tipo de vitamina.

 

Fatos rápidos sobre vitaminas

Aqui estão alguns pontos-chave sobre vitaminas que você deve saber.

  • Existem 13 vitaminas conhecidas.
  • As vitaminas são solúveis em água ou solúveis em gordura.
  • Vitaminas lipossolúveis são mais fáceis para o corpo armazenar do que hidrossolúveis.
  • As vitaminas sempre contêm carbono, então são descritas como “orgânicas”.
  • A comida é a melhor fonte de vitaminas, mas algumas pessoas podem ser aconselhadas por um médico a usar suplementos.

O que são vitaminas?

As vitaminas fazem parte de um grupo de substâncias orgânicas que estão presentes em quantidades mínimas nos alimentos naturais. As vitaminas são essenciais para que o metabolismo funcione normalmente. Se não tivermos em nosso organismo o suficiente de qualquer tipo de vitamina, certas condições médicas podem aparecer.

Uma vitamina é considerada um composto orgânico, pois ela contém carbono. Além disso ela é um nutriente essencial que o corpo não pode produzir o suficiente e que precisa obter dos alimentos. Atualmente, existem 13 vitaminas reconhecidas pelos órgãos reguladores.

 

Vitaminas lipossolúveis e hidrossolúveis

As vitaminas podem ser de dois tipos, lipossolúveis (solúveis em gordura), o termo “lipo” vem da palavra gordura, portanto, esse tipo de vitamina se dissolve em substâncias orgânicas. Já as vitaminas hidrossolúveis são “solúveis em água”.

Vitaminas lipossolúveis (solúveis em gordura)

As vitaminas lipossolúveis são armazenadas nos tecidos gordurosos do corpo e no fígado. As vitaminas A, D, E e K são solúveis em gordura. Elas são mais fáceis de armazenar do que as vitaminas hidrossolúveis e podem permanecer no corpo como reservas por dias e, às vezes, meses.

Além disso, as vitaminas lipossolúveis são absorvidas pelo trato intestinal com a ajuda de gorduras ou lipídios.

Vitaminas hidrossolúveis (solúveis em água)

Vitaminas hidrossolúveis não ficam no corpo por muito tempo. O corpo não pode armazená-las e elas são excretados na urina. Por isso, as vitaminas hidrossolúveis precisam ser ingeridas com mais frequência do que as lipossolúveis.

Acima de tudo, a vitamina C e todas as vitaminas do complexo B são solúveis em água.

 

Quais são os tipos de vitaminas

Aqui estão os diferentes tipos de vitaminas.

Vitamina A

  • Nomes químicos: retinol, retina e quatro carotenoides, incluindo beta-caroteno.
  • É lipossolúvel: solúvel em gordura.
  • Deficiência: pode causar cegueira noturna e queratomalácia, um distúrbio ocular que resulta em córnea seca.
  • Fontes: fígado, óleo de fígado de bacalhau, cenoura, brócolis, batata doce, manteiga, couve, espinafre, abóbora, alguns queijos, ovos, damasco, melão e leite.

Vitamina B1

  • Nome químico: tiamina.
  • É hidrossolúvel: solúvel em água.
  • Deficiência: pode causar a síndrome de beribéri e Wernicke-Korsakoff (forma incomum de amnésia que combina duas doenças: encefalopatia de Wernicke e síndrome de Korsakoff.
  • Fontes: fermento, carne de porco, cereais, sementes de girassol, arroz integral, centeio integral, aspargos, couve, couve-flor, batata, laranja, fígado e ovos.

Vitamina B2

  • Nome químico: riboflavina.
  • É hidrossolúvel: solúvel em água.
  • Deficiência: pode causar arriboflavinose.
  • Fontes: aspargos, bananas, caquis, quiabo, acelga, requeijão, leite, iogurte, carne, ovos, peixe e feijão verde.

Vitamina B3

  • Nomes químicos: niacina, niacinamida.
  • É hidrossolúvel: solúvel em água.
  • Deficiência: pode causar pelagra, com sintomas de diarreia, dermatite e distúrbios mentais.
  • Fontes: fígado, coração de frango, rim, carne de frango, carne vermelha, peixe (atum, salmão), leite, ovos, abacate, tâmaras, tomates, vegetais folhosos, brócolis, cenoura, batata doce, aspargos, oleaginosas, cereais integrais, legumes, cogumelos e levedura de cerveja.

Vitamina B5

  • Nome químico: ácido pantotênico.
  • É hidrossolúvel: solúvel em água.
  • Deficiência: pode causar parestesia (sensações cutâneas subjetivas como, agulhadas, formigamento e outros).
  • Fontes: carnes, grãos integrais, brócolis, abacate, geleia real e ovas de peixe.

Vitamina B6

  • Nomes químicos: piridoxina, piridoxamina, piridoxal.
  • É hidrossolúvel: solúvel em água.
  • Deficiência: pode causar anemia, neuropatia periférica ou danos a outras partes do sistema nervoso que não o cérebro e a medula espinhal.
  • Fontes: carnes, bananas, cereais integrais, legumes, oleaginosas e leite. Por outro lado, cabe lembrar que quando o leite é em pó, perde cerca de metade do seu B6. Além disso, congelar também pode reduzir a quantidade de vitamina B6.

Vitamina B7

  • Nome químico: biotina.
  • É hidrossolúvel: solúvel em água.
  • Deficiência: pode causar dermatite ou enterite (inflamação do intestino).
  • Fontes: gema de ovo, fígado, alguns vegetais.

Vitamina B9

  • Nomes químicos: ácido fólico, ácido folínico.
  • É hidrossolúvel: solúvel em água.
  • Deficiência: pode causar insônia, dor de cabeça e outros. Em mulheres grávidas a falta de B9 pode causar defeitos congênitos. Por isso, as grávidas são incentivadas a suplementar o ácido fólico.
  • Fontes: vegetais folhosos, legumes, fígado, fermento de pão, alguns produtos com grãos fortificados e sementes de girassol. Além disso, várias frutas têm quantidades moderadas de vitamina B9, assim como a cerveja.

Vitamina B12

  • Nomes químicos: cianocobalamina, hidroxocobalamina, metilcobalamina.
  • É hidrossolúvel: solúvel em água.
  • Deficiência: pode causar anemia megaloblástica, uma condição na qual a medula óssea produz eritrócitos anormalmente grandes, anormais e imaturos.
  • Fontes: peixe, marisco, carne, aves, ovos, leite e laticínios, alguns cereais fortificados e produtos de soja, bem como leveduras nutricionais fortificadas.

Os veganos e os vegetarianos são aconselhados a tomar suplementos de vitamina B12.

Vitamina C

  • Nome químico: ácido ascórbico.
  • É hidrossolúvel: solúvel em água.
  • Deficiência: pode causar anemia megaloblástica.
  • Fontes: frutas e legumes. A ameixa do Kakadu e a fruta camu camu têm o mais alto teor de vitamina C de todos os alimentos. Da mesma forma, o fígado também tem altos níveis de vitamina C.

Vitamina D

  • Nomes químicos: ergocalciferol, colecalciferol.
  • É hidrossolúvel: solúvel em água.
  • Deficiência: pode causar raquitismo e osteomalácia (enfraquecimento e desmineralização dos ossos).
  • Fontes: a exposição solar que faz com que a vitamina D seja produzida na pele. Entretanto, ela também é encontrada em peixes gordurosos, ovos, fígado bovino e cogumelos.

Vitamina E

  • Nomes químicos: tocoferóis, tocotrienóis.
  • É lipossolúvel: solúvel em gordura.
  • Deficiência: é incomum, mas pode causar anemia hemolítica em recém-nascidos.
  • Fontes: kiwis, amêndoas, abacate, ovos, leite, oleaginosas, vegetais de folhas verdes, óleos vegetais não aquecidos, gérmen de trigo e grãos integrais.

Vitamina K

  • Nomes químicos: filoquinona, menaquinonas.
  • É lipossolúvel: solúvel em gordura.
  • Deficiência: pode causar diátese hemorrágica (sangramentos excessivos após traumas ou sem causa aparente).
  • Fontes: vegetais de folhas verdes, abacate, kiwi. Além disso, a salsa contém muita vitamina K.

 

Tabela de vitaminas

Na tabela de vitaminas abaixo você poderá visualizar algumas vitaminas e exemplos de alguns alimentos onde elas são encontradas.

Quais são as fontes de vitaminas?

A alimentação de um modo geral é a melhor maneira de obter nutrientes suficientes para uma boa saúde. As vitaminas devem vir primeiro de uma dieta equilibrada e variada, com muitas frutas e legumes.

No entanto, em alguns casos, alimentos e suplementos fortificados podem ser indicados para algumas pessoas. Por outro lado, é sempre necessário consultar um médico, pois ele é o profissional mais indicado para analisar se existe ou não a necessidade de suplementação de vitaminas.

Da mesma forma, um profissional de saúde poderá recomendar suplementos vitamínicos para pessoas com certas condições, mulheres grávidas ou pessoas que seguem uma dieta restrita.

Portanto, aquelas pessoas que tomam suplementos devem tomar cuidado para não exceder a dose máxima indicada, pois em alguns casos isso pode trazer consequências graves. Além disso, alguns medicamentos também podem interagir com suplementos vitamínicos, por isso é importante conversar com um médico antes de usar suplementos.

 

3 FONTES

https://extension.colostate.edu/topic-areas/nutrition-food-safety-health/fat-soluble-vitamins-a-d-e-and-k-9-315/
https://medlineplus.gov/vitamins.html
https://articles/195878

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here